Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos Científicos

v. 16 n. 38 (2021)

Elementos do saber profissional do professor: uma geometria para ensinar do final século XIX


Publicado
May 6, 2021

Resumo

Este artigo apresenta resultados parciais da tese de doutoramento da primeira autora, que está alinhada a um projeto amplo de investigação. A tese objetiva caracterizar uma geometria para ensinar a partir de manuais de pedagogia direcionados à formação de professores dos primeiros anos escolares, 1870-1920. Neste artigo, pretendemos caracterizar a geometria para ensinar que se manteve estável como elemento do saber profissional do professor na última década do século XIX, considerando os manuais de Affreixo e Freire (1890) e Coelho (1892). Essa caracterização aconteceu conforme determinações sobre como transformar informações dispersas em saberes sistematizados. Observamos que as orientações para ensinar geometria sistematizadas pelos autores estão pautadas em princípios do método intuitivo que mobilizam as formas geométricas planas e espaciais. Então, sistematizamos elementos de uma geometria para ensinar que nos levaram a caracterizar a geometria que se manteve estável enquanto saber da cultura profissional do professor como geometria intuitiva para ensinar.

Referências

AFFREIXO, J. M. da G.; FREIRE, H. Elementos de Pedagogia: para uso do magistério primário português. 8.ª ed. Lisboa: Livraria Ferreira , 1890.

BERTINI, L. de F.; MORAIS, R. dos S.; VALENTE, W. R. A Matemática a ensinar e a Matemática para ensinar: novos estudos sobre a formação de professores. São Paulo: Editora Livraria da Física, 2017.

BOTO, C. J. M. C. dos R. A. Compêndios pedagógicos de Augusto Coelho (1850-1925): a arte de tornar ciência o ofício de ensinar. História da Educação, ASPHE/FaE/UFPel, Pelotas, v. 4, n. 30, p. 09-60, 2010. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/asphe/article/view/28910. Acesso em: 27 mai. 2019.

COELHO, J. A. Princípios de pedagogia. Tomo II. São Paulo: Teixeira & Simões, 1892.

FORTALEZA, F. J. dos S.; VALENTE, W. R. Uma geometria para ensinar no curso primário: elementos do saber profissional da docência no manual de Coelho (1892). VIDYA, v. 39, n. 2, p. 347-361, 2019. Disponível em: https://periodicos.ufn.edu.br/index.php/VIDYA/article/view/2831. Acesso em: 16 jan. 2020.

HOFSTETTER, R.; SCHNEUWLY, B. Saberes: um tema fundamental para as profissões do ensino e da formação. In: HOFSTETTER, R.; VALENTE, W. R. (Orgs.), Saberes em (trans)formação: tema central da formação de professores. (p. 113-172). São Paulo: Editora Livraria da Física, 2017.

LIMA, E. B.; VALENTE, W. R. O saber profissional do professor que ensina matemática: considerações teórico-metodológicas. Argumentos Pró-Educação, Pouso Alegre, v. 4, n. 11, 928-943, 2019. Disponível em: http://ojs.univas.edu.br/index.php/argumentosproeducacao/article/view/500. Acesso em: 30 out. 2019. https://doi.org/10.24280/ape.v4i11.500

PONTES, A. M. da S. Compêndio de pedagogia: para uso dos alunos da escola normal da provícia do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Typ. Da Reforma, 1873.

SILVA, V. B. Saberes em viagem nos manuais pedagógicos: construções da escola em Portugal e o Brasil (1870-1970). 2005. Tese (Doutorado) - Universidade de São Paulo, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação, São Paulo. 2005. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-30012013-135022/pt-br.php. Acesso em: 21 mai. 2019.

VALENTE, W. R. Oito temas sobre História da educação. REMATEC, v. 8, n. 12, p. 22-50, 2013. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/160384. Acesso em: 14 mar. 2015.

VALENTE, W. R. Os saberes para ensinar matemática e a profissionalização do educador matemático. Rev. Diálogo Educ., Curitiba, v. 17, n. 51, 2017. Disponível em: https://periodicos.pucpr.br/index.php/dialogoeducacional/index. Acesso em: 07 jun. 2018. DOI: http://dx.doi.org/10.7213/1981-416x.17.051.ao04

VALENTE, W. R. Processos de Investigação Histórica da Constituição do Saber Profissional do Professor que Ensina Matemática. Acta Scientiae, Canoas, v. 20, n. 3, p. 377-385, 2018. Disponível em: http://www.periodicos.ulbra.br/index.php/acta/article/viewFile/3906/3178. Acesso em: 30 out. 2018. http://doi.org/10.17648/acta.scientiae.v20iss3id3906

VALENTE, W. R. Saber objetivado e formação de professores: reflexões pedagógico-epistemológicas. Revista História da Educação, v. 23, p. 01-22, 2019a. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/asphe/article/view/77747. Acesso em: 08 abr. 2019. http://doi.org/10.1590/2236-3459/77747

VALENTE, W. R. Que matemática para formar o futuro professor? História do saber profissional do professor que ensina matemática. Conferência. Revista Exitus, Santarém/PA, v. 9, n. 2, p. 15-25, 2019b. Disponível em: http://www.ufopa.edu.br/portaldeperiodicos/index.php/revistaexitus/article/view/852. Acesso em: 30 out. 2019. https://doi.org/10.24065/2237-9460.2019v9n2ID852

VALENTE, W. R. Programas de ensino e manuais escolares como fontes para estudo da constituição da matemática para ensinar. Alexandria: Revista de Educação em Ciências e Tecnologia, Florianópolis, v. 12, n. 2, p. 51-63, 2019c. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/alexandria/article/view/1982-5153.2019v12n2p51. Acesso em: 28 jan. 2020. https://doi.org/10.5007/1982-5153.2019v12n2p51

VALENTE, W. R. Investigación sobre la Historia del Saber Profesional de los Docentes que Enseñan Matemáticas: Interrogatorios Metodológicos. Revista Paradigma, v. XLI, p. 900-911, 2020. Disponível em: http://revistaparadigma.online/ojs/index.php/paradigma/article/view/827/817. Acesso em: 31 jul. 2020. http://doi.org/10.37618/PARADIGMA.1011-2251.2020.p900-911.id827

ZANATA, B. A. O legado de Pestalozzi, Herbart e Dewey para as práticas pedagógicas escolares. Rev. Teoria e Prática da Educação, v. 15, n. 1, p. 105-112, 2012. Disponível em: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/TeorPratEduc/index. Acesso em: 28 set. 2016.