Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir pro rodapé

Artigos Científicos

v. 16 n. 38 (2021)

Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação Matemática: Análise de Artigos Publicados na Plataforma SciELO


Publicado
May 7, 2021

Resumo

Apresentamos uma análise de artigos publicados em periódicos alocados na plataforma SciELO que tratam das tecnologias digitais de informação e comunicação na Educação Matemática. Adotamos uma perspectiva qualitativa para a investigação, inspirada em elementos da análise de conteúdo. Os artigos foram selecionados a partir de palavras norteadoras como: aprendizagem móvel, m-learnig e matemática, mobile learning, nativos digitais, Matemática e computador e Tecnologias de informação e comunicação. Adotamos enquanto categorias de análise o ano de publicação, o periódico e o nível de escolarização. Os resultados indicam que o uso das tecnologias digitais de informação e comunicação é um assunto presente, porém suas potencialidades para a aprendizagem ainda requerem mais pesquisas.

Referências

AFONSO, C. A. Internet no Brasil – alguns dos desafios a enfrentar. Informática Pública, v. 4, n. 2, p. 169-184, 2002.

BARDIN, L. Análise de Conteúdo (Luís Antero Reto & Augusto Pinheiro, Trads.). 3ª reimp. 1. ed. São Paulo: Edições 70, 2016.

BORBA, M. C.; PENTEADO, M. G. Informática e Educação Matemática. Belo Horizonte: Autêntica, 2001.

BOLEMA: Boletim de Educação Matemática. Rio Claro: UNESP, Brasil, 2020. Sobre a Revista. Disponível em < https://www.scielo.br/revistas/bolema/paboutj.htm>. Acesso em: 20 de dez. 2020.

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Portaria. nº 522, de 9 de abril de 1997. Cria o Programa Nacional de Informática na Educação. Brasília-DF, 1997. Disponível em: http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/DetalheObraForm.do?select_action=&co_obra=22148>. Acesso em: 03 ago. 2020.

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Decreto nº 6.755, de 29 de janeiro de 2009. Institui a Política Nacional de Formação de Profissionais do Magistério da Educação Básica, disciplina a atuação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES no fomento a programas de formação inicial e continuada, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 30 jan. 2009.

CARNEIRO; Reginaldo F.; PASSOS, Cármen L.B. A utilização das Tecnologias da Informação e Comunicação nas aulas de Matemática: limites e possibilidades. Revista Eletrônica de Educação, v. 8, n. 2, p. 101-119, 2014.

CARR, Nicholas. A geração superficial: o que a internet está fazendo com os nossos cérebros. Rio de Janeiro: Agir, 2011.

CETIC 2018. Comitê Gestor da Internet no Brasil. Disponível em http://www.cetic.br/. Acesso em 27/07/2020 às 14:56.

CHASSOT, Áttico. Alfabetização científica: questões e desafios para a educação. Ijuí: Editora Unijuí, 2018.

FELCHER, Carla; PINTO, Ana; FOLMER, Vanderlei. Tendências em Tecnologias Digitais no Ensino da Matemática Reveladas no EBRAPEM. Educação Matemática Pesquisa, 21(2), p. 1-22, 2019.

GUIMARÃES, Eduardo C.; POSTINGUE, Thais P.; PERALTA, Deise A. Necessidades formativas de professores de matemática para o uso de tecnologias digitais: uma análise curricular segundo princípios habermasianos. Revista Brasileira de Ensino de Ciências e Tecnologia, v. 13, n. 3, p. 243-263, 2020.

JESUZ, Danilo A. F.; IZIDORO, Rafhael H. F.; HIRATA, Cely K.; PEREIRA, Ana L. Formação docente e o uso de Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC) nas aulas de Matemática na Educação Básica: uma possibilidade! Revista Internacional de Formação de Professores, [S.l.], p. 59-76, 2018.

KALINKE, Marco A.; MOCROSKY, Luciane F.; PANOSSIAN, Maria L.; BANIN, Edna S. Tecnologias digitais na formação e prática dos futuros professores de Matemática. Revista Brasileira de Ensino de Ciências e Tecnologia, v. 10, n. 2, p. 1-19, 2017.

LOPES, Érika M. C.; PEREIRA, Giselle M. R.; OLIVEIRA, Guilherme S. Utilização das Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação na Educação Matemática de jovens e adultos: motivos e possibilidades apontados pelas pesquisas. Cadernos da Fucamp, v. 16, n. 28, p.150-165, 2018.

PAPERT, Seymour. A máquina das crianças: repensando a escola na era da informática. Porto Alegre: Artes Médicas, 1994.

SHINTAKU, Milton; BRITO, Ronnie F. DE; CARVALHO NETO, Sílvio. A avaliação dos portais de revistas brasileiros implementados com o SEER/OJS por meio do levantamento da indexação pelo Latindex e SciELO. Informação & Sociedade: Estudos, v. 24, n. 2, 2014.

SILVA, Leo V. Tecnologias digitais de informação e comunicação na educação: três perspectivas possíveis. Revista de Estudos Universitários - REU, v. 46, n. 1, p. 143-159, 2020.

SILVA, R. S. da; NOVELLO, T. P. O uso das tecnologias digitais no ensinar matemática: recursos, percepções e desafios. Revista Internacional de Educação Superior, v. 6, p. 1-15, 2020.

SILVEIRA, Daniel S.; LAURINO, Débora P.; NOVELLO, Tanise P. Experiências do ensinar e do aprender matemática ao operar as tecnologias digitais na educação superior. REVEMAT, v.12, n. 2, p. 67-81, 2017

VALENTE, José A. Informática na Educação no Brasil: Análise e Contextualização Histórica, In: VALENTE, J. A. (Org). O Computador na Sociedade do Conhecimento. Campinas, SP:UNICAMP/NIED, 1999.